terça-feira, 20 de fevereiro de 2024

Capitão Wagner reúne bancada do União Brasil em articulação pré-eleitoral em Fortaleza e confirma “onda do 44” em Caucaia com Deuzinho Filho

 


Imagem: Capitão Wagner e Deuzinho Filho 

O pré-candidato à Prefeitura de Fortaleza e presidente do União Brasil no Ceará, Capitão Wagner, conduziu uma reunião estratégica nesta segunda-feira (19) com parlamentares da sigla, em um movimento de articulação pré-eleitoral na capital cearense.

O encontro, destacado pelo Diário do Nordeste, foi marcado por discussões sobre as perspectivas políticas e eleitorais do partido, com ênfase nas candidaturas competitivas em diversos municípios do estado. Capitão Wagner enfatizou a força das candidaturas do União Brasil em diferentes localidades, citando a sua própria candidatura em Fortaleza, a de Roberto Pessoa em Maracanaú, a de George Valentim em Maranguape, a de Deuzinho Filho em Caucaia, além da família do Moses Rodrigues em Sobral, entre outras.

“Quando temos uma candidatura competitiva como a minha, em Fortaleza, a do Roberto Pessoa, em Maracanaú, a do George Valentim, em Maranguape, a do Deuzinho Filho, em Caucaia, a da família do Moses Rodrigues em Sobral e em mais alguns municípios, nos dá a expectativa de bons resultados”, afirmou Capitão Wagner durante a entrevista.

O encontro evidenciou a importância da união e da estratégia política para o União Brasil, consolidando sua presença como uma força relevante no cenário político do Ceará. Com a confirmação da “onda do 44” em Caucaia, liderada por Deuzinho Filho, o partido demonstra seu potencial de mobilização e conquista de apoio popular em diversas regiões do Estado.



Deuzinho Filho revela bastidores políticos: Vitor Valim em Caucaia antes das eleições de 2020

Imagem: Caminhada no centro de Caucaia em 2016 com o candidato a Prefeito Eduardo Pessoa, acompanhado por Beto Martins e Vitor Valim. 


O Vice-prefeito de Caucaia, Deuzinho Filho, adotou suas redes sociais como plataforma para elucidar aspectos cruciais relacionados à chegada do atual Prefeito, Vitor Valim, à cidade. Em suas palavras, ele salientou a importância de reconhecer que a presença de Vitor em Caucaia precedeu as eleições de 2020, estabelecendo assim um contexto político prévio à sua ascensão ao cargo de prefeito.

Nesse período, o então Secretário de Patrimônio da Cidade, Beto Martins, figurava como candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada por Eduardo Pessoa. Essa conjuntura política complexa revela uma teia intricada de relações e alianças que influenciam diretamente o cenário político local, evidenciando a importância de compreender as nuances e os desdobramentos dos eventos históricos que moldaram a trajetória de Vitor Valim na cidade.

Ao fornecer esse contexto, Deuzinho enfatizou a relevância de refletir sobre os bastidores da política municipal, não apenas para enriquecer o debate público, mas também para promover uma maior transparência e compreensão dos processos decisórios que afetam diretamente a comunidade de Caucaia. Essa abordagem reflexiva contribui significativamente para fortalecer a democracia local e empoderar os cidadãos ao oferecer-lhes uma visão mais clara dos meandros do poder político em Caucaia.

Vale salientar que o atual prefeito ocupa esse cargo hoje não por decisão de Deuzinho Filho, mas por meio de processo democrático que é a eleição. Essa ressalva realça a natureza democrática do sistema político e reforça a importância dos processos eleitorais como forma legítima de escolha dos representantes dos cidadãos.

domingo, 18 de fevereiro de 2024

Tragédia em Caucaia: Sociedade clama por ações urgentes contra a violência




Na noite deste sábado, dia 17, um ato de barbaridade abalou profundamente a população de Caucaia, no Estado do Ceará. O brutal assassinato de quatro mulheres em uma residência não apenas entristeceu, mas também alertou para a urgente necessidade de ações contra a crescente violência que assola a região e todo o Estado.

As vítimas (quatro mulheres) foram encontradas sem vida, em uma cena desoladora que levanta questões cruciais sobre a eficácia das políticas de segurança pública. Em meio ao luto e à indignação, a população exige uma resposta imediata e eficaz das autoridades.

O Vice-prefeito de Caucaia, Deuzinho Filho, destacou em vídeo nas suas redes sociais sua preocupação com o município de Caucaia, enfatizando a necessidade de ação: "Bora, trabalhar", independente de ideologia política e afiliação partidária. Vamos nos unir em prol do povo. Vamos pôr um ponto final nessa politicagem. A força está na união, então vamos lutar pela nossa gente e, principalmente, por todas as mulheres que estão perdendo suas vidas em nosso Estado.

Além de uma resposta imediata, é essencial investigar as raízes profundas da violência e implementar medidas eficazes para combatê-las. Isso inclui o fortalecimento das forças de segurança, mas também a luta contra a desigualdade social, o acesso à educação e oportunidades de trabalho, e o fortalecimento dos laços comunitários.

Neste momento de dor e revolta, é  crucial que a sociedade se una em busca de soluções concretas e duradouras para erradicar a violência. Não podemos mais tolerar perdas humanas causadas pela criminalidade e pela impunidade. Chegou o momento de agir com determinação e coragem para garantir um futuro mais seguro e justo para todos os caucaenses.

Para isso, é imprescindível um esforço conjunto entre autoridades, instituições e a própria comunidade. A violência de gênero, em particular, requer uma abordagem específica e sensível, incluindo medidas de prevenção, proteção e punição dos agressores. As mulheres devem se sentir seguras e protegidas em todos os lugares, e cabe a todos nós garantir que isso aconteça.

É hora de transformar a indignação em ação, de transformar o luto em determinação. Vamos trabalhar juntos para construir uma sociedade mais segura e justa, onde todas as pessoas possam viver sem medo e com dignidade. Juntos, podemos fazer a diferença e garantir um futuro melhor para Caucaia e para todo o Ceará.


sexta-feira, 16 de fevereiro de 2024

Caos na saúde de Caucaia: Geradores de energia são retirados por falta de pagamento por parte do município


       Imagem: Portal da Transparência dos Municípios 

Em meio a uma crise de gestão na saúde pública do município de Caucaia, o Hospital Municipal Abelardo Gadelha da Rocha, localizado no bairro Parque Soledade, se vê no epicentro de um escândalo preocupante. Geradores fundamentais para manter o funcionamento adequado da unidade de saúde foram retirados devido à falta de pagamento. 

A situação delicada expõe uma série de falhas na administração da saúde municipal, colocando em risco a vida e a segurança dos pacientes que dependem dos serviços prestados pelo hospital. A remoção dos geradores ressalta a fragilidade do sistema de saúde e evidencia a urgência de uma intervenção eficaz por parte das autoridades competentes.

Os moradores de Caucaia expressam indignação e preocupação diante do cenário caótico que se instaurou no setor da saúde. Pedem por medidas imediatas para resolver o impasse e garantir o pleno funcionamento do hospital, assegurando o acesso contínuo aos cuidados médicos essenciais para a comunidade.

O episódio serve como um alerta para a necessidade de uma gestão mais transparente e eficiente dos recursos destinados à saúde pública, visando garantir o bem-estar e a integridade dos cidadãos que dependem do sistema de saúde para cuidar de suas necessidades médicas.

terça-feira, 30 de janeiro de 2024

PREFEITURA DE CAUCAIA CONTRATA 106 MILHÕES DE REAIS SEM LICITAÇÃO

        


        A Constituição brasileira obriga os governos municipal, estadual e federal a licitar. Para tudo o que o governo queira comprar - podem ser produtos ou serviços - ele é obrigado a organizar um processo licitatório, que é uma competição entre empresas interessadas em determinado fornecimento. A redação do Blog iniciou uma investigação, e descobriu um Contrato de aproximadamente R$ 106 milhões de reais da Prefeitura de Caucaia(foto abaixo) com uma empresa, que possui somente R$ 10 mil reais de Capital Social. Baseado nas informações obtidas no Tribunal de Contas e na Junta Comercial do Ceará, se confirma uma dúvida: Como uma empresa constituída em setembro de 2023(foto abaixo) pode atender um contrato de valor de mais de 10 mil vezes  maior que seu Capital? Outra situação que chamou a atenção da nossa investigação, é que o processo correu a “toque de caixa”, ou seja, numa grande rapidez, onde em menos de 90 dias tava tudo “resolvido”. Se fosse um processo licitatório com esse tamanho, com várias tecnicidades e com esse valor, em condições normais leva pelo menos 6 meses, trazendo mais uma dúvida sobre a legalidade da modalidade feita pela Prefeitura de Caucaia.


         O contrato foi celebrado na modalidade “dispensa de licitação” e envolve empresas do Ceará e Sudeste do Brasil. Por enquanto o Tribunal de Contas e o Ministerio Público investigam sob sigilo, mais um “escândalo” da atual gestão da Prefeitura de Caucaia. Vários documentos já chegaram a nossa redação, para apurar ainda mais a “suspeita” de ilicitudes. 


         O Blog do Deuzinho confirma que vai continuar a investigar esse Contrato “suspeito”, e em breve vamos contar a história completa de mais um possível “escândalo” de corrupção na Prefeitura de Caucaia. 

sexta-feira, 26 de janeiro de 2024

DESPEJADO DA PREFEITURA DEUZINHO VAI ATENDER NA PRAÇA


 Vice-prefeito Deuzinho Filho responde a cortes de recursos com Gabinete Itinerante: compromisso com a comunidade de Caucaia permanece inabalável. Diante dos cortes de recursos para a vice-prefeitura de Caucaia pelo atual prefeito, o vice-prefeito Deuzinho Filho, do partido União Brasil, adotou uma abordagem inovadora para manter contato direto com os cidadãos.

Nesta sexta-feira (26), realizou atendimentos em uma praça pública no Conjunto Vicente Arruda(Itambé), reforçando seu compromisso com a comunidade. A medida foi uma resposta a um ofício da Secretaria de Governo de

Caucaia, datado de 10 de janeiro, comunicando uma redução significativa nos recursos destinados ao gabinete do vice-prefeito. Como resultado, Deuzinho Filho anunciou encerramento das atividades da Casa de

Projetos Yara Guerra, localizada no centro do município, onde seu gabinete operava.

Ao falar sobre a situação, Deuzinho Filho destacou a importância de ouvir as demandas dos cidadãos diretamente em praça pública, garantindo que sua dedicação ao serviço à população de Caucaia permaneça inabalável,

mesmo diante dos desafios financeiros.

“Ouvi as vozes dos cidadãos em praça pública, atendendo às suas demandas com determinação e coragem. Podem tentar retirar-me tudo, mas a vontade de seguir adiante e trabalhar incisivamente em prol de Caucaia persiste, ” ressaltou o vice-prefeito. O Gabinete Itinerante continuará sua programação nas próximas semanas, visando atender o maior número possível de cidadãos do município. Deuzinho Filho reforça seu compromisso em enfrentar os desafios e trabalhar incansavelmente para servir aos interesses da

população de Caucaia.



quarta-feira, 24 de janeiro de 2024

Divórcio nas prefeituras: prefeitos e vices rompidos preparam candidaturas opostas no Ceará em 2024


Desde as eleições municipais de 2020, o Ceará tem sido palco de uma série de mudanças nas prefeituras, com a cassação ou afastamento de gestores, a realização de eleições suplementares e até mesmo o rompimento político entre prefeitos e vice-prefeitos. Neste caso, o descompasso ultrapassa os limites da gestão e ganha ares eleitoreiros, sobretudo com a proximidade do pleito. É o que se observa em ao menos 11 municípios do Estado. No primeiro mês de 2024, o acirramento entre gestores ganhou mais fôlego, adiantando uma dinâmica que deve se intensificar a partir do período de campanha. 

CAUCAIA

Em Caucaia, um novo episódio do rompimento entre o prefeito Vitor Valim (PSB) e o vice-prefeito Deuzinho Filho (União) ganhou repercussão nos últimos dias. Este denunciou a realização de cortes de recursos destinados para a vice-prefeitura em 2024, em "retaliação política" pelas divergências, inclusive eleitorais, entre os ex-aliados. 

"Não foi apenas um ataque ao Deuzinho, um ataque político, mas esse ataque foi um ataque institucional e que abre um precedente muito grande para que outros prefeitos, outros governadores, ataquem os seus vices quando não atendem às suas expectativas e suas vontades", criticou o vice-prefeito. 


Segundo informações da Prefeitura de Caucaia, a redução foi causada por uma "reforma administrativa e financeira em todas as secretarias municipais", não sendo algo exclusivo da vice-prefeitura. Ainda segundo a gestão, serão destinados R$ 461,5 mil para "serem utilizados conforme critério prioritário" do vice-prefeito. O valor incluiria o salário mensal de Deuzinho Filho. 

O embate, que ocorre de maneira tímida desde metade do mandato, ganha corpo em 2024 com a proximidade nos prazos eleitorais. Mesmo recuando da intenção de buscar reeleição, o prefeito Vitor Valim vai participar ativamente do processo de escolha do novo nome a representar o Governo do Estado no pleito em Caucaia.

Já Deuzinho se coloca como o principal nome, em Caucaia, da oposição liderada pelo ex-deputado e pré-candidato a prefeito de Fortaleza, Capitão Wagner, e é na gestão que os adversários têm mais chance de aproximar o eleitorado. Por isso, os atritos envolvendo despachos da Prefeitura podem se intensificar até outubro, como já indica o episódio mais recente.

Fonte: DIÁRIO DO NORDESTE 




Capitão Wagner reúne bancada do União Brasil em articulação pré-eleitoral em Fortaleza e confirma “onda do 44” em Caucaia com Deuzinho Filho

  Imagem: Capitão Wagner e Deuzinho Filho  O pré-candidato à Prefeitura de Fortaleza e presidente do União Brasil no Ceará, Capitão Wagner, ...